18 de novembro de 2012

A Ágora Antiga de Atenas

O Templo de Héfesto (ao fundo), na Ágora Antiga, é o mais conservado entre os templos antigos de Atenas
A Ágora Antiga era o espaço onde os atenienses exerciam as atividades política, comercial e religiosa — as ágoras funcionavam como centro das relações sociais das cidades gregas, como os fóruns eram, para as cidades romanas.

A Ágora Antiga de Atenas foi o coração público de Atenas desde o Século 6 a.C. A designação “antiga” serve para diferenciar de outro núcleo de construções que ficam nas imediações, a Ágora Romana, que data da época do Imperador Augusto.

Cercada pelo burburinho dos bairros turísticos de Pláka e Monastiráki, a Ágora Antiga de Atenas é uma das visitas imperdíveis na cidade. Neste espaço sossegado, com vista privilegiada para a Acrópole, estão alguns dos monumentos mais importantes da Antiguidade ateniense.

A Estoa de Átalo, do Século 2 a.C., hoje Museu da Ágora da Antiga de Atenas
Os grandes destaques da ágora são o Templo de Héfesto, o mais conservado dos edifícios religiosos da Antiguidade em Atenas, e a Estoa de Átalo, reconstruída no anos 50 para sediar o Museu da Ágora Antiga de Atenas.

Depois da visita à Acrópole, essa é a atração que deve estar no topo da sua lista de prioridades em um roteiro em Atenas.

Veja o que você vai encontrar na Ágora Antiga de Atenas e os (bons) motivos para não perder esse passeio quando visitar a capital grega:


A Ágora Antiga: o Templo de Héfesto (1), a igreja bizantina dos Santos Apóstolos (2) e as colunas do Odeon de Agripa (3). A Estoa de Átalo, que não coube na imagem, fica à direita
➡️ Dicas práticas para a visita à Ágora Antiga de Atenas
Como chegar: a Ágora Antiga fica na baixada a Noroeste da Acrópole, no bairro de Monastiráki. O sítio arqueológico tem várias entradas. A mais utilizada fica no final da Rua Adrianou, perto da Estação Thisio do Metrô. 

Horário: a Ágora está aberta ao público diariamente, das 8h às 15 horas. Prefira ir logo cedo, pela manhã, pois mesmo com todo o verde da área, o sol consegue ser inclemente no verão. Não esqueça o protetor solar, um chapéu e a garrafinha de água.

Ingresso: a entrada na ágora custa €8, mas a entrada para a Acrópole (€30) também é válida aqui.

➡️ O que ver na Ágora Antiga de Atenas

O Templo de Héfesto, com 2.500 anos de idade, foi erguido na idade de ouro da Democracia Ateniense
⭐Templo de Héfesto (Theseion)
Pra mim, o edifício mais comovente da Ágora Antiga de Atenas é o Templo de Héfesto (o deus Vulcano, para os romanos). Ele tem 2.500 anos de idade (contemporâneo do Partenon) e foi erguido sob o governo de Péricles, na idade de ouro da Democracia Ateniense.

A construção, em estilo dórico, é o templo da Antiguidade mais preservado de Atenas. Fica sobre uma elevação ( o Monte Agoraios Kolonos), como se “presidisse” a Ágora e seu entorno.


O Templo de Héfesto também é conhecido como Theseion ou Thision e dá o nome ao agradável bairro que se desenvolve ao Oeste, entre a Acrópole e o Monte Pnyx. A designação vem de uma lenda que apontava o templo como local de sepultamento do herói ateniense Teseu, vencedor do Minotauro e governante mitológico da cidade.

O templo, na realidade, foi dedicado a Héfesto, o deus do fogo e patrono do engenho humano de moldar o ferro e outros metais.

O Museu da Ágora Antiga de Atenas tem exibe peças escavadas na área, com estátuas, oferendas aos templos e elementos decorativos dos edifícios
⭐Estoa de Átalo e Museu da Ágora Antiga de Atenas 
Diariamente, das 8h às 19:30 (de abril a setembro) e das 8:30h às 15h (outubro a março). Ingresso: o ticket válido para ver o museu é o bilhete de acesso à Ágora ou o ticket geral da Acrópole.

Esta estoa datada do Século 2 a.C. foi reconstruída nos anos 50 do Século 20 para sediar o Museu da Ágora Antiga de Atenas.

As estoas (stoae, "colunatas") eram espaços públicos destinados ao comércio e outros negócios. A Estoa de Átalo teve grande importância Ágora Ateniense, era um dos maiores edifícios da cidade em seu tempo, com 115 metros de frente, e dois pavimentos, divididos em diversos ambientes.

A Estoa foi construída por Átalo, rei de Pérgamo, na Ásia Menor (hoje Turquia). 

A visita à Estoa de Átalo permite ter uma ideia mais clara de como eram os edifícios gregos da Antiguidade
O Museu da Ágora Antiga de Atenas, que funciona na Estoa de Átalo, é muito bacana. Junto com o Museu da Acrópole e o Museu Nacional de Arqueologia da Grécia ele forma uma trinca essencial de visitas em Atenas.

O do Museu da Ágora Antiga de Atenas acervo é composto de peças escavadas na área, como estátuas, oferendas aos templos e elementos decorativos dos edifícios.

Cabeça de Tritão que adornava a entrada do Odeon de Agripa, hoje exposta no Museu da Ágora. Os Tritões, na mitologia clássica, eram filhos de Poseidon e Anfitrite, divindades marinhas que habitavam o fundo do mar

Peças arqueológicas encontradas na Ágora de Atenas, em processo de estudo e catalogação. À direita, uma biga em terracota exposta no Museu da Ágora
Além de ver o acervo do museu, a visita à Estoa de Átalo permite ter uma ideia mais clara de como eram os edifícios gregos da Antiguidade. 

A gente fica tão acostumada a ver suas ruínas que quase acredita que eram construções abertas e sem paredes, mas as colunatas funcionavam como uma espécie de "varanda" em torno da parte fechada dos edifícios.

A Ágora Antiga de Atenas é um espaço sossegado, com vista privilegiada para a Acrópole
⭐Odeon de Agripa
O Odeon de Agripa é um acréscimo romano à Ágora Antiga de Atenas. Foi construído no ano 15 a.C. e era um teatro com capacidade para 1.000 pessoas. Pouco resta do edifício, destruído por um incêndio no Século 3 d.C, mas as estátuas que adornavam a entrada do edifício ainda dão uma boa ideia de sua magnitude.
Essas estátuas deTritões adornavam a entrada do Odeon de Agripa e dão uma ideia da grandiosidade da construção
Foi o cônsul romano Marco Vipsânio Agripa, genro do Imperador Augusto, quem mandou construir o Odeon da Ágora. Além de político e comandante militar, o moço também gostava de arquitetura e foi um dos responsáveis por uma importante reforma urbana em Roma conduzida pelo sogro.

O Odeon de Agripa é descrito pelos historiadores como um edifício espetacular: dois pavimentos cercados por pórticos e com revestimentos em mármore. As estátuas dos tritões cujos restos ainda estão no local eram parte das colunas da fachada principal.
  
Odeon de Agripa

Igreja de Agios Apostoli Solakis, em estilo "bizantino ateniense"
⭐Igreja de Agios Apostoli Solakis
Essa igrejinha do Século 10 da nossa era atesta que a área da Ágora teve uso contínuo muito depois de seu apogeu como centro da vida social e política da Antiguidade Ateniense. O “sobrenome” da Igreja dos Santos Apóstolos, Solakis, refere-se ao populoso bairro que se formou na área, em tempos recentes (Século 19).

Agios Apostoli é um exemplar típico da arquitetura bizantina desenvolvida em Atenas. Sua construção ocupa o local de um antigo ninfeu, santuário dedicado às ninfas (divindades aquáticas), geralmente composto por uma fonte ao ar livre.

Mais sobre Atenas:
Hospedagem em Atenas
Dicas de transporte em Atenas e arredores
Como curtir Atenas
A Acrópole
O Museu da Acrópole 
O bairro de Thisio, um dos pedacinhos mais gostosos de Atenas
Cinema ao ar livre em Atenas (com vista para a Acrópole)
O Templo de Zeus Olímpico
Museu de Arqueologia de Atenas

A Grécia na Fragata Surprise:
Cidade de Rodes: a memória dos cruzados e a herança otomana  


Curtiu este post? Deixe seu comentário na caixinha abaixo. Sua participação ajuda a melhorar e a dar vida ao blog. Se tiver alguma dúvida, eu respondo rapidinho. Por favor, não poste propaganda ou links, pois esse tipo de publicação vai direto para a caixa de spam.
Navegue com a Fragata Surprise 
Twitter     Instagram    Facebook    Google+

Nenhum comentário:

Postar um comentário