sábado, 17 de novembro de 2012

Hospedagem em Rodes:
Hotel Parthenon City

Dá pra acreditar neste marzão? Era meu vizinho :)
Rodes tem história, praias de rasgar a roupa e preços muito mais em conta que as ilhas mais descoladas da Grécia. Com aquele jeitão de balneário dos Anos 60, a Cidade Nova oferece desde o hotelão de luxo a pousadinhas simples. A orla da Praia de Elli é a região mais elegante, onde se destaca o tradicional Grand Hotel, cinco estrelas com diárias na faixa dos €150.

O terraço do Parthenon City

Com um pouquinho de pesquisa, porém, dá para conseguir acomodação na ilha, em hotéis de três e quatro estrelas, pagando menos, muito menos. Foi o que eu fiz, e descobri o ótimo Parthenon City, a 100 metros da praia, com diárias de €25 (!!), sem café da manhã.

Praia de Psarpoula com a maré alta
O Porto de Mandráki estava a 10 minutos de caminhada
O Parthenon fica na região de Psaropoula, bairro bem praieiro e com variadíssima oferta de bares, restaurantes, mercadinhos e lavanderias (a laudromat da rua atrás do hotel cobrou €6 para lavar praticamente todo o conteúdo da minha mala).

O quarto é bem básico, mas com diárias a € 25, está bom demais, né?

Do hotel até a Cidade Medieval, você escolhe: cinco minutos a pé, cortando o miolo da ilha, ou 20 minutos contornando o “bico” de Rodes, sempre pela beira mar. Para os preguiçosos, a Avenida Ialissou, a rua da praia, é muito bem servida de transporte coletivo.

O bar, na área da recepção, e (abaixo) a piscina



Apesar de grande (sete andares), o hotel tem uma tremenda cara de empreendimento familiar, com um atendimento muito simpático. Os quartos são grandes, com varanda e confortos básicos (TV, secador telefone), mas sem luxos. Pena que eu não tenha feito fotos. Prometo tomar jeito, mas sempre esqueço de fotografar os hotéis...

O banheiro também é espaçoso, embora o boxe seja minúsculo. A mobília está um pouquinho fora de moda e o WiFi, cobrado à parte (€5 por quatro dias) funcionou muitíssimo mal.

A fachada do hotel: todos os quartos têm varanda



O bar do térreo serve comidinhas rápidas e é um ótimo lugar para aproveitar a brisa que sopra do mar, ao cair da tarde. No sétimo andar funciona um solário, com vista para o mar. A piscina fica no térreo. 

No fim das contas, comparando custo e benefício, o Parthenon é uma excelente opção de hospedagem em Rodes.

Hotel Parthenon City- Anthoula Zervou n°4. As diárias de €25 valem tanto para os apartamentos single quanto para os duplos. Reservei pelo venere.com, mas os preços são os mesmo na página do hotel na internet.


A Grécia na Fragata Surprise
Atenas


Curtiu este post? Deixe seu comentário na caixinha abaixo. Sua participação ajuda a melhorar e a dar vida ao blog. Se tiver alguma dúvida, eu respondo rapidinho. Por favor, não poste propaganda ou links, pois esse tipo de publicação vai direto para a caixa de spam.
Navegue com a Fragata Surprise 
Twitter     Instagram    Facebook    Google+

4 comentários:

  1. Cyntia, você acha que ficar dentro da muralha seria mais interessante, estou pesquisando hotéis.
    Abraços
    Bia

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Bia, sinceramente, creio que não. A Cidade Medieval é linda, mas tem horas que é uma muvuca que dá vontade de sair correndo (hora de fugir para a praia). Acho que vale mais a pena ficar na Cidade Nova. Se vc conseguir ficar bem pertinho de Elli, a melhor praia da cidade, melhor.

      Excluir
  2. Cyntia
    Seus posts tem me ajudado muito com a preparação do nosso roteiro, muito obrigada!
    Fiz o roteiro de 20 dias na Grécia, será que você pode dar uma olhada e verificar se tem outra forma melhor de fazer esse roteiro, ou se está sobrecarregado?

    Atenas (03 noites), alugamos um carro e vamos para Delfos (01 noite), Meteora (01 noite), Nafplio (05 noites), Monemvasia (02 noites), voltamos para Atenas, entregamos o carro e meus 02 últimos lugares:

    Santorini (03 noites)
    Rodes (04 - 05 noites)

    Acredito que terei que fazer Atenas --- Santorini ---- Rodes de avião
    O que você, que conhece a Grécia, acha dessa logística?
    Obrigada
    Abraços
    Bia

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi, Bia,
      Acho que está bacana, o roteiro, bem realista. Certifique-se, porém, de ter três dias inteiros em Atenas, para não cair num gincanão alucinado pelas principais atrações da cidade. Lembro também que os museus e sítios arqueológicos estão fechando tipo 15h ou 16h, o que, na prática, inviabiliza ver dois mais "robustos" no mesmo dia.

      Outra coisa: lembre-se que vocês vão "dirigir em grego", portanto, além de tentar aprender um pouquinho do alfabeto deles (para ler as placas, que nem sempre são bilíngues, fora das estradas principais), acrescente mais tempo que o googlemaps vai dizer que você vai gastar nos trajetos, por conta de um eventual retorno perdido, uma entrada que vc não viu, etc

      Tomem muito cuidado na estrada entre Nafplio e Trípoli, qdo forem para Monemvasia. Eu, que já rodei pelos Andes até enjoar, nunca vi uma subida tão vertiginosa e tão cheia de curvas. É linda, mas dá frio na barriga.

      De Atenas para Rodes, não tenho duvida que é melhor ir de avião. A ilha fica encostadinha na Turquia, bem ao Sul, longinho da capital. Como eu disse aqui no blog, dá para comprar passagens bem em conta, se você fizer isso com antecedência.

      Não fui pra Santorini, mas acho que vai ser melhor voar pra lá, também. Não creio que vc consiga fazer isso a partir de Rodes (eu até tentei, qdo fui pra lá...). Vc vai ter que bater e voltar no Aeroporto de Atenas, quase com certeza.

      Qdo estiver em Nafplio, não deixe de visitar pelo menos os sítios arqueológicos de Micenas e Epidauros. Como vocês estarão de carro, tentem dar um pulo na cidade de Epidauros, também, que tem ruínas bem interessantes. E tentem descobrir umas prainhas da Argólida. E faça um bate e volta às ilhas. Vale a pena.

      Aproveite muito a Grécia, dê um beijo naquele país lindo por mim e diga que já já eu volto lá.

      Excluir