2 de outubro de 2013

Uma bela senhora: a Abadia de Bath, Inglaterra

Fachada da Abadia de Bath, Inglaterra
A Abadia de Bath ao cair da tarde
Todo mundo vai a Bath ver as Termas Romanas e os cenários georgianos que povoam descrições literárias e cenas de filmes. Essas atrações valem a viagem, com certeza, mas não são desculpa para a gente deixar de ver preciosidade menos badalada, mas tão espetacular quanto, que é a Abadia de Bath.

A Abadia de Bath é muito mais velha que a Inglaterra e é uma atração imperdível pela sua beleza arquitetônica, detalhes decorativos e importância histórica.

Quando você for a Bath, não deixe a velha abadia fora da sua lista de coisas para fazer na cidade. Veja as dicas e imagens e diga se não tenho razão 😊.

Entalhes em pedra no teto da Abadia de Bath
A impressionante trama do teto da Abadia 
foi esculpida em Pedra de Bath
Por que visitar a Abadia de Bath
Essa linda senhora feita de pedra em tom de caramelo foi erguida ainda antes de existir uma Inglaterra.

A Abadia de Bath foi fundada no Século 7º, quando o território onde está Bath pertencia ao antigo reino saxão de Hwicce, que, posteriormente, seria incorporado à Mércia — um dos reinos que iriam finalmente formar a Aenglaland, a Terra dos Anjos, três séculos depois.

A Abadia de Bath passou por reformas significativas à medida que a cidade mudava de conquistadores (mércios, saxões e normandos) para ganhar suas feições definitivas no Século 16, já incorporada à Igreja Anglicana.

A Abadia Medieval de Bath e as Termas Romanas
A Abadia fica bem ao lado das Termas Romanas, muito mais disputadas pelos turistas
De tanto contemplar o desfile de reis, dinastias e reinos, a Abadia de Bath parece ter aprendido o quanto é vã a vaidade.

Ela não se exibe em locações majestáticas — fica num larguinho acanhado, cercada por um emaranhado de ruas —, não resplandece em dourados e sequer se acotovela com as atrações mais famosas pelas manchetes dos folhetos distribuídos aos turistas que visitam a cidade.

O resultado é que tem gente que vem a Bath, nem toma conhecimento dessa maravilha e vai embora sem sequer desconfiar do que perdeu.

Entrada principal e detalhes da fachada da Abadia de Bath, Inglaterra
A entrada principal da Abadia e um detalhe da fachada lateral
Essa fogueira eu pulei, graças ao atendente da guesthouse onde passei minha segunda noite em Bath. "Se tiver que escolher entre Stonehenge e a Abadia, escolha a Abadia", dramatizou ele, quando fiz a lista do que já tinha feito e do que ainda pretendia fazer por lá. 

Eu não tinha que escolher (tinha ido a Stonehenge na véspera), mas confesso que me apressei em correr para a Abadia de Bath. E fiquei extasiada com o que vi.

Decoração interna da Abadia de Bath
A Abadia também impressiona pelos delicados vitrais
O que ver na Abadia de Bath

O mais impressionante na Abadia de Bath é a trama delicada do teto e das colunas internas, uma renda pacientemente esculpida em Pedra de Bath. Também chamam a atenção os belos vitrais e esculturas sacras no interior da igreja.

A visita à Abadia é um mergulho na história de Bath, escrita em centenas de lápides e placas comemorativas espalhadas pelo piso e pelas paredes.

Decoração interna da Abadia de Bath
Vitrais da Abadia de Bath. Repare que o magnífico trabalho de entalhe está por toa parte no edifício
Visitas à torre da Abadia de Bath
Para ver Bath do alto, nada melhor que fazer um tour ao alto da torre da Abadia. Eu resolvi não encarar a escadinha em espiral para poupar os joelhos, mas quem estiver em forma pode tentar.

As subidas à torre da Abadia de Bath são guiadas e partem de hora em hora (aos sábados, a cada meia hora). Mas é bom checar os horários no site, pois há menos frequências no inverno. Não há subidas à torre aos domingos.

Fachada da Abadia de Bath
A praça ao lado da Abadia é um animado ponto de encontro, especialmente nos finais da tarde
O tour à torre custa £6. Menores de 15 anos pagam meia e precisam estar acompanhados de um adulto. Crianças com menos de cinco anos não podem subir.

Também é oferecido um “tour romântico” à torre, visita privada que promete emoções com champanhe, a possibilidade de tocar os sinos da Abadia (eu fico imaginando como deve ser tomar champanhe e depois descer aquela escadinha sem tropeçar, rsss).

Esse tour romântico custa £100 por casal nas horas normais e £120 em horários especiais. Quem se animar precisa reservar por email.

A torre da Abadia de Bath vista do Parade Park, às margens do Rio Avon
A torre da Abadia de Bath vista vista do Parade Park, às margens do Rio Avon
Um pouquinho da História da Abadia de Bath
Da igreja do Século 7 já não resta nada. Suas feições de hoje expressam principalmente as modificações feitas pelos normandos, que conquistaram a Inglaterra em 1066.

Bath já era famosa desde os tempos da ocupação romana, no Século 1º d.C., por causa de suas termas. A  tradição dos "banhos medicinais" foi mantida pelos saxões e a cidade atraía muita gente pra experimentá-los.

A Abadia prosperou junto com a fama das águas termais de Bath, ao ponto de Edgard, descendente de Alfredo, o Grande, ter sido coroado rei de toda a Inglaterra aqui, no Século 10, como atesta uma inscrição na fachada Leste da construção.

Entalhes em pedra no interior da Abadia de Bath
A trama das colunas e nervuras do teto da Abadia
(Bath Abbey) - 12, Kingston Buildings. Entrada pela Porta Sudoeste

Segundas, das 9:30h às 17:30h. De terça a sexta, das 9h às 17:30h. Sábados, das 9h às 18h. Domingos, das 13h às 14:30h e das 16:30h às 18h. Antes de ir, cheque os horários dos cultos nesta página.

A entrada é gratuita, mas é sugerida uma doação de £4, para ajudar na manutenção do edifício.

Mais sobre Bath
Bath: dois cenários de romance
Bath, a cidade das pedras preciosas
Bath, a musa do verão
Bate e volta a Stonehenge
Dois hotéis em Bath

Inglaterra - todas as dicas - post índice



Curtiu este post? Deixe seu comentário na caixinha abaixo. Sua participação ajuda a melhorar e a dar vida ao blog. Se tiver alguma dúvida, eu respondo rapidinho. Por favor, não poste propaganda ou links, pois esse tipo de publicação vai direto para a caixa de spam.
Navegue com a Fragata Surprise 
Twitter  |  Instagram  | Facebook

6 comentários:

  1. Cyntia, não tinha lido esse post. Fiquei encantada, adoro história. Linda!!!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Mais uma das muitas surpresas de Bath, Paula. A gente visita a cidade pra ver determinadas coisas e desobre inúmeras outras maravilhas. Adoro aquela fofura :)

      Excluir
  2. Adorei seu post! Vou a Bath em outubro/2017 e suas dicas foram preciosas! Grata!!!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Que legal, Raquel! Amei Bath, espero que você aproveite muito a viagem :)

      Excluir
  3. Maravilhoso post. Já conheço a Abadia, mas lendo seu texto e vendo o local pelos seus olhos foi uma experiência única. Muito obrigada.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigada. Eu amei a Abadia, como, aliás, amei tudo em Bath

      Excluir