sexta-feira, 21 de outubro de 2011

Compras em Pirenópolis

Lojinhas no centro de Piri. além de tudo, são fofas
Enquanto escrevo este post, o teclado do meu computador está pálido de pânico: ao mesmo tempo em que digito com a mão direita, a esquerda está ocupada em me servir bocados de um doce de casca de limão, simplesmente sublime, cuja calda já pingou duas vezes sobre o cantinho das Tabs e CapsLock. É isso que acontece quando a gente passa uma temporadinha em Pirenópolis: é impossível não voltar de lá com uma carga de delícias compradas na cidade.

Esse doce de limão, por exemplo — cheiroso, delicioso e com uma cor muito sedutora —, faz parte de um lote de compotas que trouxe de Piri. A cidade é uma tentação no capítulo gulodices. Não bastassem os doces em calda, tem as chamadas quitandas: biscoitinhos de queijo e polvilho, salgados e doces servidos no café da manhã e na merenda da tarde.

As lojinhas de artesanato da Rua Rui Barbosa têm muitas opções de lembrancinhas
Não bastasse tudo isso, tem os picolés e sorvetes feitos de frutas locais e encontrados em várias lanchonetes. O picolé de jaca e o sorvete de taperebá ainda me farão voltar a Piri de joelhos.

Para não me alongar na descrição da comilança — e não ficar restrita a ela — selecionei três sugestões de compras em Pirenópolis que valem a visita. 
Numa loja típica de lembranças de Pirenópolis não podem faltara as pimentas, as compotas doces, o molho de pequi, os biscoitinhos, as panelas de barro...
Armazém Via Goyaz
Rua Rui Barbosa, n° 11
Fiquei fã dos sabonetes artesanais dessa loja
Os sabonetes, óleos de banho e cosméticos produzidos artesanalmente pela bioquímica Wirta Lima usam frutos e ervas do Cerrado e aromas bem brasileiros, como maracujá, capim limão, pitanga, buriti e cabacinha do campo, que conquistam pelo olfato e também pelo visual.
Recomendo especialmente o sabonete de barbatimão, casca de árvore nativa com propriedades cicatrizantes, que foi tiro e queda para me salvar das sequelas das picadas dos mosquitos de Piri. Sabonetes a partir de R$ 6.


Artesanato típico de Pirenópolis
Dora
Rua Benjamin Constant n° 50
Esta loja de doces devolve qualquer um à infância: são metros e metros de prateleiras lotadas de compotas de frutas como jabuticaba, casca de limão, mamão verde, laranja... Difícil é escolher os mais tentadores.

De quebra, ainda tem creme de pequi, geleia de pimenta, doce de leite... Da próxima vez que for lá, vou levar uma camisa de força, para ajudar a conter a vontade de comprar um pote de cada fruta. As porções grandes (500 ml) custam R$ 10.

Traços e Tramas
Rua do Bonfim n° 7

Bom lugar para renovar o enxoval de cama, mesa e banho, com peças em patchwork de muito bom gosto, feitas a mão. Os preços não chegam a ser uma pechincha, mas as peças são de ótima qualidade, feitas a mão.

Mais sobre Pirenópolis
Onde comer

Curtiu este post? Deixe seu comentário na caixinha abaixo. Sua participação ajuda a melhorar e a dar vida ao blog. Se tiver alguma dúvida, eu respondo rapidinho. Por favor, não poste propaganda ou links, pois esse tipo de publicação vai direto para a caixa de spam.
Navegue com a Fragata Surprise 
Twitter     Instagram    Facebook    Google+

2 comentários:

  1. Respostas
    1. O número do telefone está no site deles (link na postagem), Rochesteer. é o (62) 3331-2350.
      abs,
      Cyntia

      Excluir