sábado, 1 de janeiro de 2011

Montevidéu: salva por um Chivito

La Pasiva, a catedral do Chivito
Vou confessar: sempre tive preconceito contra esses sanduíches tipo Big-Mess, com diversos pavimentos e impossíveis de comer sem me lambuzar. Pra mim, é coisa de gente indecisa — não sabe se quer comer salada, ovo frito, hambúrguer ou misto quente e acaba juntando tudo no mesmo pacote.

Mas nunca digo “deste sanduba não provarei”. Bastou chegar a Montevidéu no feriado de Ano Novo, verde de fome — e encontrar todos os restaurantes fechados — para que meus padrões gastronômicos sucumbissem inapelavelmente ao Chivito, essa notável expressão da culinária rápida da Banda Oriental .

Chivito: deliciosa barbárie
O Chivito é uma instituição nacional uruguaia: bife grelhado, queijo, presunto, ovo frito, alface, tomate e maionese. Tudo isso acomodado dentro de um pão um pouco maior que o de hambúrguer — o tortuga (tartaruga) – e cercado por todos os lados por uma avalanche de batatas fritas. Quem preferir um lanchinho mais frugal pode pedir um Pancho, que é um cachorro quente com duas salsichas, queijo e maionese e bacon.


Engordo só de lembrar, mas reconheço que salvou minha vida...

Minha primeira experiência com chivito foi no Del Navio, uma lanchonete simplesinha, onde fui apresentada a algumas bandas de Rock Uruguaio que se revezavam no rádio. O sanduba estava bom, mas as batatinhas (todas as 3 ou 4 mil...) estavam meio sem graça.

O visual retrô de La Pasiva - aliás, o melhor de Montevidéu tem sempre essa carinha
A catedral do Chivito é La Pasiva, uma rede de lanchonetes espalhadas por todo o país. Minha “sucursal” preferida é a da esquina da Ejido com a 18 de Julio, no Centro, com aquele leve ar de “Modernidade Jetsons” que eu simplesmente amo-- mais um ícone retrô na cidade. A filial da Calle Sarandi, quase na Plaza Matriz, funciona num prédio do Século XIX, tem cara de café portenho e mesinhas na calçada.

Del Navio
Esquina da Avenida 18 de Julio com a Ferreira Aldunate. Por 160 Pesos Uruguaios (R$ 14), come-se um mega Chivito devidamente acompanhado por uma Coca Cola de 600 ml .

La Pasiva
Já tem filial até em Porto Alegre (no Shopping Total). No Uruguai, está em toda parte, como na 18 de Julio, Calle Sarandi e Shopping Punta Carretas. Os sandubas são excessivamente pantagruélicos, mas experimentá-los faz parte da descoberta de Montevidéu. Gasto médio de R$ 20,00.

Mais sobre Montevidéu
Atrações

O Uruguai na Fragata Surprise
Colónia del Sacramento
Punta del Este

Curtiu este post? Deixe seu comentário na caixinha abaixo. Sua participação ajuda a melhorar e a dar vida ao blog. Se tiver alguma dúvida, eu respondo rapidinho. Por favor, não poste propaganda ou links, pois esse tipo de publicação vai direto para a caixa de spam.
Navegue com a Fragata Surprise 
Twitter     Instagram    Facebook    Google+

Um comentário:

  1. O pão do chivito nada mais é que o pão cacetinho dos gaúchos, que vocês vivem fazendo piada, Cyntia.. :D

    ResponderExcluir